segunda-feira, 26 de julho de 2010

Rosseau e a desigualdade social

Jean-Jacques Rousseau foi um grande pensador e filósofo francês que viveu no século XVIII e escreveu a obra "Discurso sobre a origem da desigualdade", onde reflete sobre a origem do homem e das desigualdades.
Nessa obra ele começa falando sobre o "homem natural", que caçava, pescava e as vezes se juntava com outros homens para se defender, no entanto ainda não vivia em sociedade nem tinha ganância ou maldade. Como ao seu ver a sociedade e o homem tendem sempre a evoluir (princípio da perfectibilidade), então o homem passou a construir moradias e a viver em família, mais tarde passou a viver em sociedade.
Foi ao passar do tempo em sociedade que surgiu os princípios de: propriedade (dividiu os homens em ricos e pobres), surgiram os governos (dividiu os homens em governantes e governados) e os estados despóticos (dividiu os homens em senhores e escravos).
Por isso as desigualdades sociais surgiram pelo ponto de vista de Rousseau, no entanto se seguirmos o seu princípio de perfectibilidade, a sociedade há de avançar com o passar do tempo para um estágio de igualdade e justiça.

Fonte de base: J-J Rousseau e o Discurso sobre a origem e os fundamentos da desigualdade entre os homens. Disponível em: http://www.unicamp.br/~jmarques/cursos/rousseau2001/aso.htm

Postado por Clei

2 comentários:

  1. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  2. obrigado ´pois me ajudou muito!!!

    ResponderExcluir